© 2014 - Todos os Direitos Reservados ao Blog Negócios e Informes. Tecnologia do Blogger.

sexta-feira, 1 de novembro de 2019

Gamificação corporativa: como o método pode ser benéfico para as empresas

Os games, ou jogos, normalmente são associados ao universo infantojuvenil devido ao seu apelo lúdico. Mas o que muita gente não sabe, é que essa forma de contar histórias pode ser uma grande aliada no mundo corporativo. Pensando em engajar os seus colaboradores durante aulas e treinamentos, muitas empresas estão usando o recurso de gamificação para a fixação do conteúdo. Conheça as vantagens e características deste tipo de abordagem.

Quando usar a gamificação
Os games corporativos podem ser uma opção para as tradicionais palestras, em que só uma pessoa fala enquantos os demais ficam apenas ouvindo. Neste caso, sabemos que muitos absorvem apenas o que lhes interessa e a mensagem final não é passada com eficácia. Já com a gamificação, todos fazem parte do processo de aprendizado e colaboram com o conteúdo apresentado.

O objetivo dos jogos sempre é vencer e com essas atividades não é diferente. Mas neste caso, o caminho até a vitória é a parte mais importante. Isso porque a ideia principal é a de aprendizado e desenvolvimento de conhecimento e, ao final, todos saem ganhando.

Com essa abordagem também não há derrotas. Uns podem se destacar mais que outros em determinadas competências, mas isso faz parte do desenvolvimento do profissional e suas habilidades, além de ser benéfico para o grupo.

Vantagens da gamificação

Storytelling
É difícil alguém não se prender a uma boa história e um dos pontos principais deste tipo de abordagem é o storytelling. O uso de uma narrativa que seja condizente com o conteúdo levantado faz com que os profissionais se envolvam com os desafios propostos.

Aprendizado
O game torna o momento de aprendizado mais amigável e menos intimidador do que uma sala de aula convencional. Assim, é possível aprender de maneira leve e colaborativa, além de incentivar a socialização entre os participantes.

Evolução
A motivação em participar de um exercício desses é progredir e chegar ao final com a sensação de dever cumprido. O uso de recompensas, como medalhas ou pontuação, pode ser utilizado no processo, mas o principal é saber que tudo aquilo que foi apresentado resultou em conhecimento e evolução profissional.

Individualidade
Como a meta é o aprendizado, o jogo não incentiva a competição entre os participantes. Ao final, todos alcançam seus objetivos, cada um com suas particularidades.

A gamificação pode ser aplicada em atividades nas mais variadas áreas, seja para um treinamento de equipe ou apresentação de um novo conceito. Ela também pode ser tanto digital quanto analógica, tudo depende dos recursos existentes e do tipo de empresa.

Algumas empresas desenvolvem ferramentas de gamificação digital para você adaptar de acordo com as suas necessidades. Além disso, você também formular o seu próprio jogo com cartas e tabuleiros, ou adquirir versões já existentes.

Para liderar este tipo de prática, você pode fazer um MBA de liderança e coaching, por exemplo. Se interessou? Então confira nossas opções de cursos.

Fonte – Blog Portal Pós 

Acompanhe-nos no Facebook


Publicidade


!

!
!
!

!

!

!

!

!

!

!

!

!
!
!
! !
!

!

!
! !

Você é o Visitante:

Acessos em Tempo Real

Previsão do Tempo em Surubim

Blogs e Sites Parceiros

Curta Nossa FanPage - Muito Obrigado!

Internautas On Line

(81) 9925.8297 // negocioseinformes@gmail.com