© 2014 - Todos os Direitos Reservados ao Blog Negócios e Informes. Tecnologia do Blogger.

quarta-feira, 28 de setembro de 2022

Hemope lança edital de concurso público com 92 vagas e salário de até R$ 11,8 mil

Com 92 vagas disponíveis e salários de até R$ 11.852,26, foi divulgado no Diário Oficial, na manhã desta quarta-feira (28), o edital do concurso para a  Fundação de Hematologia e Hemoterapia de Pernambuco (Hemope), na manhã desta quarta-feira (28). As vagas estão disponíveis para o ensino médio e superior.  


As oportunidades de nível superior para o quadro de servidores englobam os cargos de hemo-médico, com 30 vagas, hemo-técnico-científico, com 22. Os candidatos de nível médio concorrerão para a posição de hemo-assistente, com 40 vagas disponíveis.


As inscrições para o processo seletivo se iniciarão nesta quinta-feira (29) e ocorrerão até o próximo dia 9 de novembro através do site da banca examinadora. As taxas para os cargos são de  R$ 70 para a exigência de nível superior e R$ 60 para o nível médio. A isenção da mesma pode ser solicitada até o próximo dia 10 de outubro. 


De acordo com o edital, o concurso será formado por duas fases. A primeira será uma prova objetiva, envolvendo as especialidades de cada cargo. A segunda será uma prova de títulos direcionada para os cargos de hemo-médico e hemo-técnico-científico. 


Recife é a cidade com o maior número de vagas disponíveis, com 51, seguida por Caruaru e Ouricuri, com oito cada, e Serra Talhada, com sete. Salgueiro, Petrolina e Garanhuns possuem cinco vagas cada. Além disso, outras três serão disponibilizadas para Arcoverde. 

 

No dia 11 de dezembro, data prevista no edital, as provas objetivas serão aplicadas nas cidades envolvidas. O resultado do concurso está previsto para ser divulgado até o dia 17 de fevereiro de 2023. 


Confira as especialidades: 


Nível Médio: 


Hemo-assistente 


Técnico em enfermagem

Técnico em enfermagem do trabalho

Técnico em farmácia

Técnico em laboratório

Técnico em segurança do trabalho


Nível superior 


Hemo-técnico-científico: 


Enfermeiro

Advogado

Assistente social

Laboratorista

Engenheiro de segurança do trabalho

Farmacêutico hospitalar

Fisioterapeuta

Nutricionista

Psicólogo


Hemo-médico: 


Médico Clínico

Médico do Trabalho

Médico hematologista clínico

Médico hematologista pediatra

Médico intensivista

Médico ultrassonografista


Do Portal Folha de Pernambuco - Foto: Reprodução/Google Street View




Eleições 2022: Neoenergia faz inspeção de mais de 50 mil km de rede elétrica em Pernambuco

A Neoenergia Pernambuco concluiu a inspeção nas instalações e circuitos elétricos que atendem aos 122 colégios eleitorais e 69 fóruns do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE). Ao todo foram inspecionados 52 mil quilômetros da rede elétrica. Esse serviço é parte de uma operação especial montada pela distribuidora para reforçar a confiabilidade do fornecimento de energia nos 3.268 locais de votação no estado.  


No plano de atuação foram realizadas 290 mil podas e 19 mil manutenções em componentes da rede de distribuição. Realizamos também inspeção em 156 subestações que atendem diretamente as zonas e seções eleitorais, além das ações corretivas em transformadores e equipamentos automatizados como religadores e sensores inteligentes. 


“A operação especial para o período eleitoral se soma às ações de manutenções contínuas já realizadas pela companhia. Com isso, conseguimos avaliar as necessidades específicas dos locais de votação e realizar antecipadamente serviços de manutenção como poda e instalação de equipamentos, a fim de assegurar um fornecimento de energia com qualidade e confiabilidade”, explica o Superintendente Técnico da Neoenergia Pernambuco, André Santos.


Durante o processo de votação e apuração, a Neoenergia Pernambuco trabalhará em regime especial de plantão. No dia 2 de outubro está previsto um aumento de 11% no efetivo de equipes disponíveis a atender eventuais ocorrências nos locais de votação. Mais de 340 profissionais, entre engenheiros, técnicos e eletricistas ficarão posicionados estrategicamente até a publicação oficial dos resultados. 


Monitoramento do sistema elétrico em tempo real

Durante o dia de votação, serão evitados desligamentos programados nos locais que possam impactar o processo eleitoral. A empresa também fará acompanhamento das condições meteorológicas previstas para o domingo de votação e adotará medidas preventivas em caso de eventuais condições de tempo adversas. 


O sistema elétrico na área de concessão da Neoenergia Pernambuco é monitorado em tempo real. A partir de equipamentos automatizados instalados na rede de alta tensão, os controladores da companhia acompanham qualquer possível interferência que possa causar interrupção do fornecimento de energia.


Da ASCOM

Internacional: Projeto da ETE Surubim é premiado no VI Encuentro Latinoamericano de Grupos, Semilleros y Líderes de Investigació

A ETE Antônio Arruda de Farias decolou e teve seu primeiro projeto internacional, fruto da @steameteaaf, apresentado pelo professor @emersonremigio durante o VI Encuentro Latinoamericano de Grupos, Semilleros y Líderes de Investigación que ocorreu entre os dias 13 a 16 de setembro de 2022. Sediado pela Fundación Universitaria del área Andina na cidade de Valledupar (Colômbia), o evento contou com a participação de outros países, como: Cuba, Paraguai, México, Bolivia e Espanha.


A credencial para este evento veio da premiação com o 1º Lugar
na Categoria de Educação Cientifica na 27ª Ciência Jovem @espacociencia_pe com o projeto intitulado “Metodologia Multidisciplinar STEAM para Aprendizagem Baseada em Projetos: um estudo de caso”. O referido projeto tinha vertentes em sustentabilidade, inovação, tecnologia e educação. Ele foi desenvolvido entre os meses de outubro a dezembro de 2020 contando com a participação de estudantes, professores e gestão escolar.


Tá bom? Então continua! Ao final do evento, para nossa surpresa (ou não) o nosso projeto foi premiado novamente com uma credencial para ser apresentado em um evento internacional, desta vez no Peru em maio de 2023! RECEBAAAAAAAAA!! Estamos muito felizes em compartilhar isto com a comunidade escolar. Sentimos muito orgulho de nossa equipe docente, funcionários e, principalmente, dos alunos maravilhosos que participaram com tanto esforço, dedicação e carinho aplicando esta ideia inovadora.


Por fim, deixamos a reflexão que o professor Émerson usou ao concluir sua apresentação "Os nossos alunos e vocês que estão aqui presentes são muito mais do que números, então por que a gente continua medindo eles apenas por uma prova?". Sigamos inovando na educação com a responsabilidade de formarmos melhor os futuros adultos que mudarão o mundo, acreditamos em VOCÊS jovens estudantes.







Da ETE Surubim

Neoenergia Pernambuco alerta para os pergios causados pelo furto de cabos elétricos da rede elétrica

Entre janeiro e agosto de 2022, as ocorrências deste tipo de crime dobraram em todo o Estado, provocando interrupções no fornecimento de energia elétrica para milhares de pessoas


Entre os meses de janeiro e agosto de 2022, a Neoenergia Pernambuco contabilizou o dobro de casos de furto de cabos de energia em relação ao mesmo período do ano passado no estado. A prática aumenta a incidência de interrupções de energia, interferindo na qualidade de fornecimento, causando prejuízos e outros transtornos para a população, além de comprometer sua segurança. Só neste ano, já foram repostos cerca de 110 km de fios na área de concessão da distribuidora. 


As consequências para as pessoas que manuseiam cabos com partes energizadas podem ser graves, podendo levar à morte ou a lesões irreversíveis. Apenas as equipes da Neoenergia Pernambuco possuem permissão para subir em postes e trabalhar diretamente com a rede de distribuição de energia.  


Com a finalidade de coibir o furto de cabos de energia elétrica, a distribuidora tem substituído os tradicionais cabos de cobre por fios de alumínio.  Além disso,  a Neoenergia Pernambuco tem realizado ações de conscientização, alertando sobre os perigos do furto de cabeamento e, ainda, incentivado a denúncia através dos canais de comunicação da empresa. É importante ressaltar que cortar fios elétricos é considerado furto qualificado, previsto pelo Código Penal. 


“Além de crime, o furto de cabos oferece grande risco à integridade física não apenas de quem realiza a prática, mas também à população no entorno do local em que houve o furto, já que podem ocorrer curtos circuitos e outros acidentes devido ao manuseio irregular de cabos energizados”, afirma André Tavares, gerente de Desempenho da Neoenergia Pernambuco. 


Caso sejam identificados cabos de energia pendurados em postes, a orientação é de que a população não se aproxime. Nos casos em que pessoas não autorizadas forem flagradas realizando intervenções em postes, recomenda-se que a Polícia Militar seja acionada pelo 190 e, a concessionária, pelo 116.


Da ASCOM 

(81) 98274-7475

terça-feira, 27 de setembro de 2022

Vendas do Tesouro Direto superam resgates em R$ 1,4 bilhão em agosto

As vendas de títulos do Tesouro Direto superaram os resgates em R$ 1,4 bilhão em agosto deste ano. Segundo dados divulgados nesta terça-feira (27) pelo Tesouro Nacional, as vendas do programa atingiram R$ 3,835 bilhões no mês passado. Já os resgates totalizaram R$ 2,434 bilhões, sendo R$ 2,245 bilhões relativos a recompras de títulos públicos e R$ 189,1 milhões, a vencimentos, quando o prazo do título acaba e o governo precisa reembolsar o investidor com juros.


Os títulos mais procurados pelos investidores foram aqueles corrigidos pela taxa básica de juros, a Selic, que corresponderam a 63,2% do total. Os títulos vinculados à inflação tiveram participação de 24,2% nas vendas, enquanto os prefixados, com juros definidos no momento da emissão, de 12,7%.


O estoque total do Tesouro Direto alcançou R$ 98,23 bilhões no fim de agosto, com aumento de 1,8% em relação ao mês anterior (R$ 96,45 bilhões) e de 40,7% em relação a agosto do ano passado (R$ 69,83 bilhões).


Investidores

Quanto ao número de investidores, 637.554 novos participantes se cadastraram no programa no mês passado. O número de investidores atingiu 20.665.899, alta de 65,8% nos últimos 12 meses. O total de investidores ativos (com operações em aberto) chegou a 2.069.559, aumento de 26,6% em 12 meses. No mês, o acréscimo foi de 29.683 novos investidores ativos.


A procura do Tesouro Direto por pequenos investidores pode ser observada pelo considerável número de vendas até R$ 5 mil, que correspondeu a 82,5% do total de 606.878 operações de vendas ocorridas em agosto. Só as aplicações de até R$ 1 mil representaram 61,2%. O valor médio por operação foi de R$ 6.319,57.


Os investidores estão preferindo papéis de médio prazo. As vendas de títulos com prazo de um a cinco anos representaram 78,7% e aquelas com prazo de cinco a dez anos, 5,9% do total. Os papéis de mais de dez anos de prazo chegaram a 15,3% das vendas. O balanço completo do Tesouro Direto está disponível na página do Tesouro Nacional na internet.


Fonte de recursos

O Tesouro Direto foi criado em janeiro de 2002 para popularizar esse tipo de aplicação e permitir que pessoas físicas adquirissem títulos públicos diretamente do Tesouro Nacional, pela internet, sem intermediação de agentes financeiros. O aplicador só precisa pagar uma taxa para a corretora responsável pela custódia dos títulos.


A venda de títulos é uma das formas que o governo tem de captar recursos para pagar dívidas e honrar compromissos. Em troca, o Tesouro Nacional se compromete a devolver o valor com um adicional que pode variar de acordo com a Selic, os índices de inflação, o câmbio ou uma taxa definida antecipadamente no caso dos papéis prefixados.


Da Agência Brasil - Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil







Surubim: Gráfica Agreste está com oportunidade de emprego para Vendedor (a)

Em Surubim, a Gráfica Agreste está recrutando pessoas para a função de Vendedor (a). Requisitos: ambos os sexos, ensino médio completo, domínio em informática básica, experiência em vendas,  disponibilidade de horários, pontualidade, responsabilidade, boa comunicação e morar em Surubim. Os interessados devem enviar o currículo até dia 20/10/2022, para o e-mail: graficaagreste.recursoshumanos@gmail.com

Da Redação (Negócios & Informes)



BC cria novos limites para tarifas de transações com cartões

O Banco Central editou, nesta segunda-feira (26/9), a resolução que estabelece limites à tarifa de intercâmbio (TIC) e ao prazo de liquidação de operações de cartões pré-pagos e de cartões de débito. A TIC é a remuneração paga ao emissor do cartão, a cada transação, pelo credenciador do estabelecimento comercial, que aluga as maquininhas para o comerciante. Esta tarifa representa um custo que o credenciador repassa ao estabelecimento comercial que, por sua vez, repassa ao consumidor.


A nova regulação, que passa a vigorar a partir de 1º de abril de 2023, estabelece um limite máximo de 0,5% aplicado à TIC em qualquer transação de cartões de débito, limite máximo de 0,7% aplicado em transação de cartões pré-pagos, e mesmo prazo para liberação dos recursos aos estabelecimentos comerciais, independentemente do cartão.


Segundo o BC, as medidas têm o objetivo de aumentar a eficiência do ecossistema de pagamentos, estimular o uso de instrumentos de pagamentos mais baratos, possibilitando a redução dos custos de aceitação desses cartões aos estabelecimentos comerciais, além de possibilitar reduções de custo de produtos aos consumidores finais, de forma a proporcionar benefícios para toda a sociedade.


Assim, o BC simplificou a forma de aplicação do limite para a TIC dos cartões de débito, que tinha uma definição cumulativa de média ponderada de 0,5% e valor máximo por transação de 0,8%, passando a ser apenas de um percentual máximo por operação.


Inclusão financeira

 

Também foram eliminadas as exceções previstas para transações não presenciais e com uso de cartões corporativos, e estabelecido um limite máximo da TIC para as transações com cartões pré-pagos, diferenciada da aplicada aos cartões de débito, reconhecendo a sua importância para a inclusão financeira da população de menor renda e para a digitalização da atividade de pagamentos, com a consequente redução da utilização dinheiro.


Além disso, a resolução uniformizou o prazo de liquidação das transações, possibilitando melhores condições para gestão de fluxo de caixa dos comerciantes, reduzindo eventuais custos de antecipação de recebíveis. As medidas devem mexer com as ações de operadoras de cartões, como Cielo e GetNet, e bancos.


Por: Rafaela Gonçalves - Correio Braziliense - Foto: Luís Fernando Germano

segunda-feira, 26 de setembro de 2022

Sesc Ler Surubim tem vagas abertas para os grupos de Jovens e Idosos

Atividades acontecem semanalmente na unidade. Inscrições na Central de Relacionamento

 

O Sesc Ler Surubim está com inscrições abertas para o Sesc Jovem e também para o Grupo Raio de Sol. As inscrições podem ser feitas na Central de Relacionamento da unidade, localizada na Rua Frei Ibiapina, s/n, no bairro São José. Os grupos são parte do trabalho social do Sesc, que tem o objetivo de promover um espaço de convivência, empoderamento e descontração entre seus participantes.

 

O Sesc Jovem é destinado ao público com idades entre 15 e 29 anos e a inscrição é gratuita. Os encontros acontecem nas segundas-feiras, às 17h30. Os jovens participam de atividades dinâmicas como palestras, rodas de conversa, oficinas culturais, entre outras, em que discutem temas sobre saúde, trabalho, educação e cidadania. Tudo pensando em prepará-los para serem protagonistas em suas realidades.

 

No ato da inscrição, é preciso estar com os seguintes documentos: Carteira de Identidade, CPF, comprovante de residência e uma foto 3×4. Para aqueles que são menores de idade, é importante a presença de um responsável para efetuar a matrícula. Ele precisa estar com a Carteira de Identidade, CPF e um comprovante de residência.

 

O Grupo Raio de Sol, para pessoas acima dos 60 anos, promove reuniões às segundas-feiras, às 14h. Os participantes são inseridos em atividades como palestras, rodas de conversa e oficinas artesanais e culturais, que promovem o bem-estar e a qualidade de vida. A inscrição e as mensalidades custam R$ 26; trabalhadores do comércio e dependentes, com a Credencial Sesc em dia, têm desconto e pagam R$ 13.

 

Os interessados em participar deste grupo precisam levar a Carteira de Identidade, CPF, comprovante de residência e foto 3×4 para poder se inscrever. Caso ele se encaixe nos critérios de gratuidade, que englobam as pessoas que têm renda familiar de até 3 salários mínimos, é necessário apresentar um comprovante da renda familiar.

 

 

Serviço: Inscrições para Grupo Raio de Sol e Sesc Jovem

Matrículas na Central de Relacionamento – Rua Frei Ibiapina, s/n, São José

Informações: (81) 3634.5280 ou (81) 99168-8379 (Whatsapp)

 

Sesc Jovem

Atividades gratuitas

Encontros nas segundas-feiras, às 17h30

 

Grupo Raio de Sol 60+

Mensalidades: R$ 13 (trabalhadores do comércio e dependentes) e R$ 26 (público geral)

Encontros nas segundas-feiras, às 14h.


Da ASCOM

Educação financeira é a chave para fugir das dívidas, apontam especialistas

A falta de planejamento financeiro é uma das grandes responsáveis pelo alto índice de inadimplência no país. Um levantamento realizado pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) aponta que quatro em cada 10 brasileiros adultos (39,41%) estavam negativados em agosto de 2022 — o equivalente a 63,71 milhões de pessoas. No último mês, o volume de consumidores com contas atrasadas cresceu 10,13% em relação ao mesmo período do ano anterior.


O crescimento se concentrou no aumento de inclusões de devedores com tempo de inadimplência de 91 dias a um ano (34,90%). O número de devedores com participação mais expressiva no Brasil está na faixa etária de 30 a 39 anos (24,03%): são 15,83 milhões de pessoas registradas em cadastro de devedores. Tal quantidade equivale a 46,29% do total de indivíduos desse grupo etário. O número de devedores segue bem distribuída entre os sexos: 50,88% de mulheres e 49,12% de homens.

 

"Renda baixa, inflação e desemprego altos, crise econômica mundial, falta de educação financeira são pontos que ajudam a explicar essa situação. Mesmo com uma renda menor, é fundamental se organizar para ter uma reserva e conseguir acomodar gastos urgentes em períodos difíceis", destaca Merula Borges, especialista em finanças da CNDL.


Para que uma pessoa ou família consiga administrar bem seus recursos e não cair na inadimplência, é importante conhecer e aplicar conceitos básicos da educação financeira, conforme destacou o head de Investimentos da Corretora Nomad, Caio Fasanella. Segundo um estudo do Banco Mundial, menos de 40% dos brasileiros adultos são capazes de entender conceitos básicos sobre inflação, juros e riscos em investimentos. Por isso, um dos maiores vilões do endividamento brasileiro acaba sendo a falta de noções básicas de sua própria vida financeira.


"Muitas linhas de crédito são corrigidas por índices de inflação ou juros, como Selic ou Taxa Referencial, e é o que deixa a dívida do brasileiro mais alta e torna os juros de empréstimos maiores. Isso faz com que o refinanciamento fique cada vez mais caro e as famílias entrem na 'bola de neve' da dívida", diz Fasanella.


Em agosto de 2022, cada consumidor negativado devia, em média, R$ 3.630,64 na soma de todas as dívidas. Cada inadimplente tinha, em média, 1,94 empresas credoras, considerando todas essas dívidas. Quase quatro em cada 10 consumidores (34,41%) tinham dívidas de valor de até R$ 500, percentual que chega a 49,24% quando se fala de dívidas de até R$ 1.000.


Em termos de participação, o setor credor que concentra a maior parte das dívidas é o de bancos, com 60,50% do total. A evolução das dívidas às instituições financeiras também teve destaque no último mês, com crescimento de 33,98%. Na sequência, aparece o comércio, com 13,13%, o segmento de água e luz, com 10,60%, e comunicação com 8,72% do total de dívidas.


A universitária Amanda Neri, 24 anos, está devendo, há um ano, cerca de R$ 5 mil para o banco. Seu nome acabou negativado depois de emprestar cheques para a mãe, que entraram sem fundos. "Não foi descontrole, no momento eu não podia pagar e o tempo foi passando e ficava a dívida. Por agora não me atrapalha em nada, mas eu queria comprar um carro mais para frente e, com certeza, isso vai me prejudicar", contou a jovem, que está dependendo que sua mãe lhe pague para limpar o nome. "Nunca mais vou emprestar cheques ou meu próprio nome para terceiros, nem ficar prorrogando dívidas", diz.


O presidente do SPC Brasil, Roque Pellizzaro Junior, alertou para a importância de os consumidores buscarem o máximo de informações a respeito das linhas de crédito oferecidas pelos bancos antes da contratação de um empréstimo. "Os bancos oferecem diversas linhas de crédito, mas aquelas de mais fácil acesso costumam ser também as mais caras. Quando as contas não estiverem mais cabendo no orçamento, a orientação é justamente procurar linhas de crédito mais baratas, ainda que isso signifique se deslocar até uma agência bancária ou falar com o gerente da conta. No final, esse movimento pode significar uma boa economia", destaca Pellizzaro.


Perigos do cartão

 

Um dos maiores responsáveis pelo endividamento é o cartão de crédito, principalmente o chamado juro rotativo, quando a operadora oferece a opção de pagar o chamado valor mínimo, deixando o restante da dívida para depois. Assim, a média anual do juro chega a 370%. Por isso os especialistas aconselham evitar ao máximo a opção de pagamento mínimo.


A administradora Janaína Esteves, 27 anos, está com o nome negativado por ter acumulado uma dívida no cartão de crédito após perder o emprego no final do ano passado. "Por ter várias coisas parceladas, fui pagando o mínimo enquanto podia, e, depois, acabou virando tudo uma bola de neve. Tive que seguir usando o cartão no início, por estar desempregada, e, desde fevereiro, não consegui mais pagar a fatura", contou. O acúmulo das faturas com juros chegaram a mais de R$ 12 mil.


Há dois meses, Janaína foi chamada para um novo trabalho, e a primeira meta é conseguir limpar o nome. Para isso, disse, está aguardando um desconto no valor da fatura para trocar os juros do cartão de crédito por um empréstimo pessoal, que tem uma taxa de juros menor, e quitar a dívida à vista. "Os juros para o parcelamento são um absurdo, quando eles oferecerem, agora que eu voltei a ter renda, vou tentar conseguir um empréstimo para cobrir, é a única maneira de não me afogar em mais juros", afirma.


Por: Rafaela Gonçalves - Correio Braziliense - Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil



Confiança dos consumidores avança 5,4 pontos em setembro

O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) avançou 5,4 pontos em setembro, para 89 pontos, o maior nível desde janeiro de 2020, com 90,4 pontos. Em médias móveis trimestrais, o índice subiu 3,3 pontos, para 84 pontos.



Os dados foram divulgados nesta segunda-feira (26) pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV).


Segundo a coordenadora das Sondagens do Ibre/FGV, Viviane Seda Bittencourt, a confiança dos consumidores sobe pelo quarto mês consecutivo influenciada pelas perspectivas mais otimistas em relação aos próximos meses. De acordo com ela, tal resultado parece estar relacionado com a queda nas expectativas de inflação dos consumidores para os próximos 12 meses e um aumento do otimismo em relação ao mercado de trabalho.


“Há um aumento na intenção de consumo, exceto para os consumidores de renda mais baixa, o que reflete ainda dificuldades dessa classe. Além disso, a proximidade das eleições tem um efeito potencializador dessas expectativas. É necessário ter cautela nesses resultados, considerando uma política monetária ainda restritiva e a possibilidade de desaceleração da atividade econômica, que reduziria a velocidade de recuperação do mercado de trabalho”, explicou a pesquisadora, em nota.


Leia também

• Índice de Confiança das Pequenas Empresas tem alta• BC determina limite de tarifa para cartões de bancos e fintechs• OCDE: "Preço da guerra" na Ucrânia afetará a economia mundial em 2023

Conforme o Ibre/FGV, a alta em setembro foi influenciada pela melhora dos indicadores sobre o momento e próximos meses. O Índice de Expectativas (IE) avançou 7,6 pontos, para 100,2 pontos, maior desde dezembro de 2019, com 100,3 pontos, período pré-pandemia da Covid-19. O Índice de Situação Atual (ISA) subiu 1,6 ponto, para 73,3 pontos, maior resultado desde março de 2020, embora ainda baixo em termos históricos.


Em relação aos indicadores que medem a satisfação dos consumidores no momento, há uma percepção de melhora da situação econômica com aumento de 2,5 pontos no indicador para 82,3 pontos, maior nível desde fevereiro de 2020 (85,5 pontos). A avaliação sobre a situação financeira da família se alterou pouco, 0,8 ponto para 64,9 pontos, nível ainda baixo em termos históricos.


Nas expectativas, o item que mais contribuiu para a alta no mês foi o que mede o otimismo das famílias em relação à situação financeira nos próximos seis meses, cujo indicador subiu 10,4 pontos para 100,8 pontos, maior nível desde janeiro de 2020 (81,7 pontos).


O indicador que mede a situação econômica também avançou pelo quarto mês consecutivo. Em setembro subiu 6,1 pontos para 115,4 pontos, maior desde julho de 2021 (116,3 pontos). A intenção de compra de bens duráveis se eleva pela segundo mês consecutivo, dessa vez 5,4 pontos, acumulando alta de 16,7 pontos nos dois últimos meses levando o índice para 84,4 pontos, melhor resultado desde fevereiro de 2019 (86,6 pontos).


Por Agência Brasil



Acompanhe-nos no Facebook


Publicidade


!

!
!
!

!

!

!

!
!
!
!
!

!
! !
!

Você é o Visitante:

Acessos em Tempo Real

Previsão do Tempo em Surubim

Blogs e Sites Parceiros

Arquivo do blog

Curta Nossa FanPage - Muito Obrigado!

Internautas On Line

(81) 9925.8297 // negocioseinformes@gmail.com