© 2014 - Todos os Direitos Reservados ao Blog Negócios e Informes. Tecnologia do Blogger.

terça-feira, 10 de novembro de 2020

Produção industrial de Pernambuco cai 1,3% em setembro

Foto: Ricardo Almeida / ANPr
Pernambuco foi um dos quatro estados brasileiros que tiveram queda na produção da indústria entre agosto e setembro, com retração de 1,3%. O estado havia retomado os índices pré-pandemia em agosto, mas, com este resultado negativo, o desempenho do setor foi 0,3% inferior ao nível verificado em fevereiro deste ano.


Os dados são da Pesquisa Industrial Mensal (PIM-PF), divulgada nesta terça-feira (10) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Além de Pernambuco, Mato Grosso (-3,7%), Rio de Janeiro (-3,1%) e Pará (-2,8%) tiveram redução nos números da indústria. O levantamento engloba 15 localidades.


Na avaliação do gerente de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Marcelo Freire, a retração é natural, já que o estado estava apresentando níveis altos de aceleração. “Conforme o setor passa a crescer expressivamente, sendo mantidos os fatores de produção fixos; a tendência é que haja uma desaceleração no crescimento mensal. Outro fator que pode explicar a redução é a perda da força do auxílio emergencial no poder de compra da população, atingido a camada da indústria, principalmente a de alimentos”, afirmou.


O economista da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (Fiepe), Cézar Andrade, também afirmou que a queda é vista com naturalidade, após meses de crescimento. "Abril foi um dos piores resultados. Com a flexibilização dos setores da economia, começamos a ver crescimento, influenciado principalmente pelo setor de fabricação de alimentos. Em julho, o crescimento chegou a ser de 17% em relação ao mesmo mês em 2019", pontuou.


Segundo ele, a expectativa para os próximos meses de 2020 é positiva, mas depende dos impactos da pandemia. "O retorno da produção da cana-de-açúcar e a proximidade das festas de fim de ano tendem a movimentar a indústria. No entanto, estamos vendo um aumento nas interações por Covid-19, então, tudo vai depender da crise sanitária. Se houver um novo fechamento, prejudica essas perspectivas", disse.


Variação positiva


Apesar de ter apresentado índices negativos tanto em agosto (-3,6%) quanto em setembro, o estado teve a quinta maior variação positiva entre os locais pesquisados, de 7,5%, na comparação entre setembro de 2020 e o mesmo período do ano passado. A taxa é superior à média nacional, de 3,4%.


Do Diario de PE

Acompanhe-nos no Facebook


Publicidade


!

!
!
!

!

!

!

!

!

!
!
!
!
!

!
! !

Você é o Visitante:

Acessos em Tempo Real

Previsão do Tempo em Surubim

Blogs e Sites Parceiros

Curta Nossa FanPage - Muito Obrigado!

Internautas On Line

(81) 9925.8297 // negocioseinformes@gmail.com