© 2014 - Todos os Direitos Reservados ao Blog Negócios e Informes. Tecnologia do Blogger.

sábado, 17 de junho de 2017

Oportunidade de negócios com a Jeep

Imagem: Divulgação-Peu Ricardo/Arquivo Folha
Micros e pequenas empresas terão a oportunidade de se aproximar da cadeia de fornecedores do Polo Automotivo Jeep de Goiana. No próximo dia 19, o Sebrae-PE, em parceria com a montadora, realiza o primeiro encontro entre esses empreendedores e a cadeia de 16 empresas integrantes do Polo. A ideia é estreitar relações e possibilitar a criação de um banco de fornecedores locais, favorecendo a redução de custos com a eliminação de atravessadores. 

Além da Jeep, o encontro terá a participação das empresas Adler, Brose, Denso, Faurecia MM, Lear, MMH, CMA, PMC, Pirelli, Revistcoat, Prima Sole, Saint Gobain e Tiberina. O evento marca uma fase final do trabalho de preparação das micros e pequenas empresas para prestação de serviços, iniciado em 2016.

Desde então, o Sebrae, com apoio da Jeep, iniciou atividades de desenvolvimento de 57 negócios na Região Metropolitana, nas Matas Sul e Norte do Estado (41 deles participam do encontro). “Os segmentos são variados, porém majoritariamente são empresas nas áreas de serviços e comércio”, explica a gestora do projeto do Sebrae, Maria Cândida Moreira. 

Durante o período de preparação, as empresas foram capacitadas nas áreas de gestão, processos, finanças e qualificação de mão de obra. “Como resultado, oito dessas empresas já conquistaram contratos de fornecimento no polo”, detalha Maria Cândida.

É o caso da Ranger SMS, instalada no Recife e que fornece treinamentos industriais nas áreas de segurança e saúde do trabalho. “A atuação do Sebrae foi importante para nos aproximarmos dos clientes”, considerou o proprietário Augusto Santos. 

Maria Cândida adianta que o trabalho de desenvolvimento das micros e pequenas empresas locais será concluído em julho, mas alguns resultados já foram mapeados. Em pesquisa recente aplicada pelo Sebrae, foi verificado um avanço de quase 20 pontos (no ranking do diagnóstico de qualidade) no nível de maturidade dos negócios, desde o começo das capacitações.

“Algumas empresas também reduziram em 20% os seus custos; outras aumentaram o pessoal, estabeleceram uma melhor rotatividade de seus estoques e criaram novos produtos”, detalhou a gestora do Sebrae, lembrando que esses melhoramentos credenciam os participantes não somente para a prestação de serviços no polo automotivo, como para uma melhor gestão e uma maior longevidade dos negócios.

Da Folha de PE

Acompanhe-nos no Facebook


Publicidade


!

!

!

!

!

!

!

!

!

!
! !
!

!
!

Você é o Visitante:

Acessos em Tempo Real

Previsão do Tempo em Surubim

Blogs e Sites Parceiros

Curta Nossa FanPage - Muito Obrigado!

Internautas On Line

(81) 9925.8297 // negocioseinformes@gmail.com