© 2014 - Todos os Direitos Reservados ao Blog Negócios e Informes. Tecnologia do Blogger.

sábado, 2 de julho de 2016

Fenearte movimentará R$ 40 milhões

Feira abrirá suas portas no dia 7, com cinco mil expositores
de várias partes do Brasil e do mundo.
Crédito: Marília Banholzer/NE10
De 7 a 17 de julho, o Cen­tro de Convenções, em Olinda, recebe a 17ª edição da Feira Nacional de Negócios do Artesanato (Fenearte). Este ano, o evento recebe aporte de R$ 5 milhões e deve atrair 300 mil visitantes. O investimento é menor que o do ano passado, quando R$ 5,5 milhões foram aplicados, e a justificativa para a redução se deve ao desaquecimento do mercado. A crise econômica, inclusive, levou a administração à readequar a gestão da feira, enxugando quadros e otimizando gastos. Nos dez dias, a movimentação financeira será de R$ 40 milhões.

Maior feira de artesanato da América Latina, a Fenearte assegura vendas diretas para o setor ao longo do ano e fomenta a cadeia. “A forma como o Governo do Estado vem trabalhando mostra que o evento está na pauta econômica”, disse o diretor presidente da AD DIPER, Jenner Guimarães. O investimento será responsável por gerar mais de três mil vagas de emprego temporários, a partir do trabalho de cinco mil expositores, entre artesãos de Pernambuco, do Brasil e de alguns países. Eles dividirão um espaço numa área de 30 mil metros quadrados (m²). 

Entre eles estará o artesão Ademilson Rodrigues. Durante o encontro, mais 300 peças de sua autoria estarão à venda. “Mesmo com essa crise toda, esperamos vender 90% do que vamos levar”, disse, frisando que o evento impulsionará aumento de 50% do seu faturamento. Movimento semelhante acontecerá com o artesão Agnaldo da Silva. Com estande o Som do Barro, o profissional comercializará instrumentos musicais de cerâmica. “O momento é de crise, mas estamos confiantes de que o movimento será bom”, projetou. 

Segundo o secretário de Turismo do Estado, Felipe Carreras, o evento dará um alívio diante da crise econômica que amarga o País. “Dará oportunidade mesmo nesse momento complicado que estamos vivendo”, explicou. Carreras destacou ainda que esse será um momento para capitanear turistas para o Estado. Dados recentes do Ministério do Turismo apontam que o Recife está na 6º colocação do País no que diz respeito à atração dos visitantes. A grande novidade deste ano será a ampliação da Rodada de Negócios, que passa de três para 11 dias de realização. A ação, organizada pelo Sebrae em Pernambuco, tem o objetivo de agregar mais compradores e promover comercialização do artesanato local. Do total de expositores, 75% é do Estado.

Funcionamento
De segunda a sexta-feira, a Feira ficará aberta das 14h às 22h. Aos sábados e domingos, o funcionamento será das 10h às 22h. Os valores dos ingressos custam, respectivamente, R$ 10 (inteira) R$ 5 (meia); e R$ 12 (inteira) R$ 6 (meia).

Da Folha PE

Acompanhe-nos no Facebook


Publicidade


!

!
!
!

!

!

!

!

!

!

!

!

!
!
!
!
!

!

!
!

Você é o Visitante:

Acessos em Tempo Real

Previsão do Tempo em Surubim

Blogs e Sites Parceiros

Curta Nossa FanPage - Muito Obrigado!

Internautas On Line

(81) 9925.8297 // negocioseinformes@gmail.com